‘Jesus é o Senhor’ é tema da segunda pregação de Kátia Zavaris no Congresso Estadual

‘A oração nos aproxima de Deus’, diz Vinícius Simões na primeira pregação do 17° Congresso Estadual
7 de setembro de 2019
“Quando Jesus derrama as graças em cada um de nós é preciso que o coração arda”, afirma Luciana Neves no Congresso Estadual
7 de setembro de 2019

Coordenadora Nacional da RCC trouxe exemplo da humanidade de Cristo presente na carta de São Paulo aos Filipenses (Fl 2, 6-11)

A segunda pregação do sábado (7) foi conduzida por Kátia Zavaris, presidente do Conselho Nacional da Renovação Carismática Católica (RCC) do Brasil. Em primeiras palavras, Kátia ressaltou a importância de celebrar o jubileu de ouro do movimento no Brasil. Em seguida, iniciou a pregação falando sobre o exemplo da humanidade de Cristo presente na carta de São Paulo aos Filipenses (Fl 2, 6-11), que deve ser relembrado por cada um de nós.

Só é possível assumir o Senhorio de Jesus se formos batizados no Espírito Santo. Para isso é também necessário compreender o que é redenção. Redenção significa readquirir uma propriedade perdida, exatamente o que Jesus Cristo fez conosco: resgatou-nos da escravidão do pecado pelo preço da sua morte na cruz.

O Senhorio de Jesus será real quando, além de nossa boca proclamar, nossa vida o disser através do nosso testemunho. “Não adianta somente dobrar nosso corpo com os joelhos diante de Jesus. É preciso prostrar a alma à Jesus, pois Ele é o único Senhor da vida”, enfatizou.

A presidente do Conselho Nacional comentou ainda sobre as armadilhas do inimigo de Deus que tiram Jesus do reinado de nossa vida – o egocentrismo e o autoritarismo humanos. E motivou os presentes a declararem: “Quem decide tudo sobre todas as áreas da minha vida é Jesus!”.

Além disso, refletiu acerca da diferença entre o pagão e o cristão: o pagão satisfaz as próprias vontades e age conforme os desígnios da carne; o cristão, por outro lado, escolhe submeter seu querer ao Senhor ao buscar uma vida de retidão de acordo com os princípios doutrinários da fé. Cabe a nós decidir firmemente por permitir que Jesus possa agir livremente em nossa vida e, assim, assegurar o seu senhorio.

Fonte: Isabela Corrêa | Ministério de Comunicação Social RCC Santa Catarina

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X